Avançar para o conteúdo principal

Cidadania: Bolsa Solidária Manuais Escolares usados

Projeto Bolsa Solidária de Manuais Escolares Usados Projeto Bolsa Solidária de Manuais Escolares Usados
Contactos: Telef: 253 205989 e E-mail: blcs@blcs.pt

 
A Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva
realiza a segunda edição do projeto Bolsa Solidária de Manuais Escolares Usados, na cidade de Braga.
Esta tem por base os conceitos de solidariedade e reutilização de recursos, permitindo reduzir os custos de aquisição de manuais escolares por parte das famílias, bem como promover atitudes responsáveis no âmbito da cidadania e educação ambiental. Sendo os manuais escolares um enorme encargo familiar, podem as famílias da cidade de Braga poupar aderindo à Bolsa de Manuais Escolares Usados.
Ao entregar os manuais escolares posteriores a 2010 de que já não precisam, podem ajudar outra família. Constituem bolsa os manuais escolares do 5º ano ao 12º ano. O projeto tem início a 25 de junho, encerrando a 30 de setembro e decorerrá na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva.
 
 Fonte:http://juventude.gov.pt/eventos/cidadania/paginas/projetobolsasolidariademanuaisescolaresusados.aspx

Mensagens populares deste blogue

Oil and gas in Portugal? No!

Não, não  consigo imaginar o que acontecerá depois do inicio da exploração de hidrocarbonetos na costa de Portugal... o que acontecerá à flora, à fauna  e ao meu coração português!
Fotografia tirada por mim em Aljezur

Não seja mero espectador

Envelhecimento da população pode pôr em causa as dádivas de sangue (Fonte: SIC notícias)


Do que está à espera? Não seja um mero espectador! Quem se vê numa situação de necessidade sabe a importância do que estou a falar. Não custa nada... é tão fácil!  Dirija-se ao serviço de sangue do hospital da sua zona de residência.

Fotografia tirada por mim no palco do Teatro Lethes em Faro


Mira

Olhe para além do horizonte...

o que para si é dado como garantido pode não ser para qualquer outro cidadão...

O valor de estar seguro?
De ter cuidados de saúde?
De ter a acesso à educação?
De ter liberdade para dizer o que pensa?

....olhe ... olhe bem...

participe, doe, faça...

seja ativo e não se conforme com a injustiça...

Sinta-se O cidadão isento, com visão genuína, transparente e transversal. Estabeleça prioridades, saiba perder...Seja  verdadeiramente feliz!

Fotografia tirada por mim em Aljezur